ATeG Mais Renda irá assistir 1.200 produtores de seis cadeias produtivas no Ceará

Além da avicultura, outras cinco cadeias produtivas irão receber assistência técnica e gerencial da ATeG Mais Renda

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural – CE, em parceria com a Administração Central, lança o projeto ATeG Mais Renda que realizará assistência técnica e gerencial (ATeG/SENAR-CE) a 1.200 produtores rurais a partir de setembro.

Ao todo 40 grupos de produtores rurais serão formados, cada um com 30 agropecuaristas das cadeias produtivas da apicultura, avicultura, bovinocultura leiteira, carcinicultura, ovinocaprinocultura, fruticultura. Os grupos serão identificados pelos sindicatos rurais e terão acompanhamento técnico e gerencial por um período de 24 meses.

“Com a previsão para iniciar em setembro, a ATeG Mais Renda busca estimular o produtor rural a produzir mais e melhor. Estamos concluindo agora a contratação dos profissionais pelas empresas credenciadas e o início das atividades começam no próximo mês,” destaca o presidente do Sistema FAEC/SENAR-CE, Rodrigo Diógenes.

De acordo com a superintendente do SENAR-CE, Ana Kelly Cláudio, a iniciativa regional fortalece seis cadeias produtivas e colabora para que o produtor rural tenham chances reais para aumentar a sua produtividade com conhecimentos técnicos e gerenciais, na ponta do lápis, de suas receitas e despesas, com o fomento de uma cultura empreendedora.

E mais
O edital de credenciamento ainda está aberto. Para participar, copie e cole o link abaixo no navegador de sua preferência: https://bit.ly/3y0Pa0F