SENAR REALIZA OFICINAS PARA ATENDER 1.180 PRODUTORES PELO AGRONORDESTE

Durante os meses de outubro/novembro/dezembro, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural- SENAR- CE, está realizando 56 oficinas beneficiando 1.180 produtores, em 42 municípios cearenses. As oficinas são gratuitas e visam atender a demanda de produtores que estão sendo atendidos pelo Programa AgroNordeste do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento- MAPA.  As oficinas são voltadas para as cadeias produtivas da ovinocaprinocultura, avicultura, apicultura, fruticultura e bovinocultura de leite.

As orientações são dadas dentro da propriedade, por instrutores da COCEPAT, e as mobilizações foram realizadas por técnicos de campo, agrícolas, engenheiros agrônomos, presidentes de Sindicatos Rurais, médicos veterinários e supervisores do SENAR contratados especialmente para o Programa AgroNordeste.

As oficinas são a base do Programa de Assistência Técnica e Gerencial-ATeG do SENAR, que foi uma das instituições credenciadas pela ANATER para tal atividade, explica o engenheiro agrônomo Lauro Ramos Torres de Melo Filho, que juntamente com a médica veterinária Carolina Machado, acompanham as aulas por videoconferência e, também, realizam visitas In locun.

Lauro Ramos explica: primeiro o técnico faz o diagnóstico das necessidades do produtor, depois ele monta um planejamento estratégico para alavancar seu negócio, faz a adequação tecnológica, depois, oferece as aulas práticas que são as oficinas e, em seguida, faz o acompanhamento das ações tirando todas as dúvidas  durante dois anos.

Carolina Machado, coordenadora técnica do SENAR, diz que o programa de assistência técnica e gerencial compreende cinco etapas: diagnóstico produtivo individualizado, planejamento estratégico, adequação tecnológica, capacitação profissional complementar e avaliação sistemática de resultados. O SENAR contratou cerca de 56 profissionais para dar atendimento aos produtores beneficiados pelo AgroNordeste.

MUNICÍPIOS ATENDIDOS E OFICINAS DA ATeG NOS MESES DE NOVEMBRO/DEZEMBRO

OVINOCAPRINOCULTURA

Realizadas até o dia 20/11: 7 oficinas (140 PARTICIPANTES)
Cedro, Senador Sá, Jaguaretama, Tejuçoca, Itapipoca, Canindé Russas
Programadas: uma
Independência (23 de novembro)

AVICULTURA

Realizadas: três oficinas (60 PARTICIPANTES)
Russas, Senador Pompeu, Canindé
Programada: uma oficina
Limoeiro do Norte (30 de novembro)

APICULTURA

Realizadas: 8 oficinas (160 PARTICIPANTES)
Mombaça, Quixeramobim, Jucas, Iguatu, Quixelô, Mauriti, Ipueiras
Cedro
Programadas
Morada Nova (23 de novembro)
Ibaretama (30 de novembro)
Novas Russas (2 de dezembro)
Lavras da Manguabeira (18 de novembro)
Independência (1 de dezembro)
Aurora (19 de novembro)

BOVINOCULTURA
Realizadas: 15 oficinas (300 PARTICIPANTES)
Deputado Iruan Pinheiro, Ibaretama, Ibicuitinga, Cedro, Banabuiú,Milhã
Cariré, Quixadá (três oficinas) Quixeramobim (três oficinas),Choró e
Independência
Programadas: 5 oficinas
Lavras da Mangabeira (30 de novembro)
Piquet Carneiro (28 de novembro)
Morada Nova (23 de novembro)
Jaguaribe (28 de novembro)
Mombaça (4 de dezembro)

OFICINAS  REALIZADAS EM OUTUBRO
Produtores rurais  dos municípios de  Quixeramobim,  Quixadá, Quixelô,  Cedro, Choró, Ibaretama,  participaram  no mês de outro de oficinas de capacitação,com vistas a atender a demanda do Programa AGRONORDESTE/ ATeG /SENAR.   O Coordenador Técnico Especial do SENAR, Lauro Ramos Torres de Melo, realizou na última semana de outubro, uma supervisão das ações dos técnicos de campo nestes municípios, beneficiando cerca de 120 produtores. No total, o SENAR está realizando 56 oficinas em diversas cadeias produtivas, beneficiando 1.180 produtores.  Em  Ibaretama, Choró e Quixadá foram realizadas oficinas  de qualidade do leite, e  em Cedro, e Quixeramobim sobre apicultura